Tipos de tintas utilizadas na pintura eletrostática a pó

Tipos de tintas utilizadas na pintura eletrostática a pó

Epoxi: possui excelentes propriedades, é anticorrosiva, tem otima aderência e resistência química e mecânica. Aplicações indicadas: peças industriais, tubulações marítimas e terrestres, vergalhões de construção civil, etc.

Híbrido (Epoxi-poliéster): é a mistura de resinas epoxídicas e poliésteres e a cura ocorre na reação entre elas. Possui excelentes propriedades mecânicas e otima resistência química. Aplicações indicadas: revestimentos de eletrodomésticos, autopeças, móveis de aço, painéis elétricos, etc.

Poliésteres: sua base é a resina de poliéster e possui excelentes propriedades mecânicas e alta resistência ao amarelamento durante a cura. Aplicações indicadas: componentes automotivos, implementos agrícolas, esquadrias de alumínio, telhados industriais, móveis de jardim, etc.

Poliuretanos: possui as mesmas características dos revestimentos em poliéster, mas sua capacidade de atingir camadas inferiores a 40 micras é maior, especialmente nas cores escuras. Aplicações indicadas: cabines telefônicas, grades e esquadrias, máquinas, moveis de jardim, etc.

Tinta em po metálica: requer condições diferenciadas em relação à tinta de cor solida. Recomenda-se a aplicação da tinta em po metálica de uma única vez. Deve-se utilizar o mesmo lote de tinta para pintar toda a peça, afim de evitar a variação de tonalidade. A relação entre a utilização de tinta em po virgem e reciclada deve ser de 70% (virgem) x 30% (reciclada). A aplicação em grandes objetos deve ser feita mecanicamente para manter o padrão de cor.

Written by

The author didnt add any Information to his profile yet